Artigos técnicosHortifrúti

Morango – Cultivo no Cerrado Mineiro

Congresso Brasileiro do Algodão

Autores

Nyvea Campos
Engenheira agrônoma
nyveacampos@hotmail.com
Rafael Silva
Graduando em Agronomia
rafaeljdasilva@hotmail.com

Fotos Gilberto Almeida

A produção de morango, atualmente, tem como sistema de cultivo principal o solo, o que inviabiliza o cultivo no Cerrado Mineiro, onde a temperatura média anual é de 25°C e mesmo nos meses mais frios a amplitude térmica não é a ideal para o cultivo de morango. A amplitude térmica é um dos fatores responsáveis pela diferenciação floral.

Os produtores interessados no cultivo de morango no Cerrado Mineiro ou em qualquer outra região com temperaturas elevadas precisam adotar algumas práticas e tecnologias disponíveis no mercado, como as calhas de isopor para cultivo, desenvolvidas pela Growing Frutas Almeida Santos.

Entenda melhor

A temperatura da rizosfera, onde as raízes e o solo/substrato entram em contato, precisa estar adequada e regulada para a melhor absorção de nutrientes. Com isso, é possível explorar o potencial produtivo das plantas, mas, ter o cuidado de usar este material térmico para acomodar as plantas fará toda a diferença.

Adotar pad fan, equipamento formado por exaustores, de um lado da estufa e paredes por onde a água escorre do outro lado reduz a temperatura entre 5 e 8ºC, valores que são ainda menores com a possibilidade de resfriamento da água que circula no sistema.

O pad fan pode ser feito na propriedade ou adquirido em empresas do setor. Em média, são necessários seis exaustores e uma parede de 1,4 x 21 m para estufas de 720 m². O objetivo de adotar tais tecnologias é que a produtividade atinja valores próximos aos das regiões que tradicionalmente produzem morango, já que é possível ajustar a temperatura ideal requerida pelo morangueiro durante o dia e a noite.

O substrato com capacidade de retenção de água (CRA) próximo de reter 400 ml de água por litro de substrato que vem apresentando bom resultado é a fibra de coco misto 98, da Amafibra. Com esta CRA, são, em média, três pulsos de irrigação de cinco minutos cada por dia – a porosidade do substrato também favorece o enraizamento.

Como plantar?

O plantio pode ser realizado durante o ano todo, mas entre 15 de abril a 15 de maio temos o período ideal – o espaçamento entre plantas deve ser de 25 cm e 15 cm entrelinhas dentro das calhas.

Recomenda-se, para a região do Cerrado Mineiro, a utilização de mudas da variedade San Andreas, pois estas apresentam bom perfilhamento, desenvolvimento radicular e produtividade acima de outras variedades de dias neutros, como a Albion.


BOX

Fique atento

O morangueiro é uma planta que tem necessidade de fixação da raiz. Para que isso ocorra, após o plantio é preciso encharcar ao redor das mudas, para que a zona radicular não fique com bolsas de ar.

Com temperatura elevada, ajustes na adubação/solução nutritiva são necessários. Trabalhar com menos nitrogênio é o ideal, evitando o estiolamento das plantas, já que o metabolismo das plantas nessas condições é alterado.

A vantagem de produzir morangos em regiões onde o cultivo não é tradicional é que os valores de comercialização são melhores e frutos produzidos localmente têm maior e melhor qualidade, não exigindo grandes deslocamentos e gastos com logísticas, que depreciam a qualidade dos frutos.

Etiquetas
Mostrar mais